segunda-feira, 16 de maio de 2016

Transformação eterna

A vida é o agora.
E eu me permito ser feliz.
Me permito me reinventar.
Me redescobrir.
Me conhecer e me perdoar.
Porque sou, porque a chama de Deus habita em mim.
E decido ser feliz.
Aprender nas dificuldades, nos erros.
Sorrir no meio das lágrimas.
Agradecer a cada dia, por tudo que vivo.
Agradeço à Deus, a oportunidade de estar viva, com saúde, com a possibilidade de pensar e me expressar.
Agradeço pela minha família e amigos.
Agradeço ao trabalho, e por esta curiosidade incessante em aprender coisas novas e conhecer novas histórias.
Agradeço por poder me reinventar, e reaprender o que havia sido esquecido.
Agradeço pela possibilidade do reçomeço.
Pelas lágrimas, pelas dores, pelas dificuldades.
São elas que me fazem forte, me fazem valorizar a saúde, a alegria e os dias de paz.
Agradeço.
Por tanta coisa.
Por estar viva.
E por despertar a cada dia.
Agradeço pela busca.
E pelos dias onde encontro a paz.
Nos demais, agradeço pela vontade de mudar, de encontrar o novo.
E me reinventar a cada dia.
Neste maravilhoso planeta onde vivemos.
Namastê!

terça-feira, 29 de março de 2016

Agora também temos YouTube!!!

http://youtu.be/YMvpj26GVQg
Caso queira ouvir, ao invés de ler, tenho alguma coisa no YouTube!
Mas por favor, deixe seu comentário, para ver onde e como posso melhorar!!!
Beijo grande!
Graziela

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Gratidão

E não é que as verdades encontram um jeito de chegar em cada um, no tempo certo?
A palavra gratidão, chegou assim meio sem querer... alguém me disse que o problema da minha vida era falta de gratidão....
Senti uma raiva do tamanho do mundo.
Como assim, sou agradecida?
Mas ouvi calada, a boa educação nos diz para deixarmos a pessoa expressar sua opinião, mesmo que por dentro, estivesse muito irritada...
Gratidão?
No final do dia, fui ver o que dizia nosso bom e velho amigo Google.
E um mundo inusitado se abriu à minha frente.
Vídeos, desafios, vivências... uma infinidade de histórias de outras pessoas, mas tão parecidas com a minha...
Resolvi tentar.
A cada dia, encontrar um motivo para agradecer.
Tem sido rico.
Tem sido um mergulho em mim mesma.
Mas mais que isso, um treinamento para encontrar motivos inúmeros para sermos felizes e agradecidos.
Hoje, agradeço pelo meu dia.
Um dia de paz, de trabalho. De bons pacientes.
Agradeço pela oportunidade do trabalho.
Beijo grande,

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Patchwork

Para toda ação que acontece, há um aprendizado...
Nesta época que fiquei impedida de correr, peguei firme na costura, e tenho feito uns trabalhos encantadores.
Carteiras, estojos, bolsinhas, lixeira para carro, e tudo que a criatividade permitir.
Quem quiser dar uma espiada, me procure no facebook:
Artes da Grá

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

ENGANOS

E quando se dá valor ao que não importa?
E quando perde-se a vida olhando para a tela de um smartphone?
E quando se adoece de tanto trabalhar buscando alcançar coisas que não trazem a mesma alegria de coisas simples da vida?
E quando se prioriza status ao invés de sentimentos verdadeiros?
E quando a religião separa pessoas?
E quando julgamos que nossa verdade é a única verdadeira, e que todos que pensam diferentes estão errados?
E quando a família passa a ser os amigos e os familiares passam a ser simples mortais?
E quando pensamentos compulsivos causam doenças?
E quando valorizamos ter, e esquecemos de ser?
São tantos enganos, e a vida passa tão depressa.
Cuidado para não cair nestes equívocos!!!!


segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Pensamentos

As vezes eu fico pensando... perdidas nos pensamentos, observando de longe o cotidiano, família, as crianças...
E percebo que a vida é feita de momentos.
Dias felizes, dias de dor, dias de solidão...
E ser feliz, não depende de situação financeira, ou casamento, ou família, ou beleza...
Depende dos pensamentos que permitimos tomar conta da nossa mente.
Depende do que cultivamos.
Da forma de ver as coisas.
E isso é responsabilidade nossa!
Quando percebemos que não damos conta de cuidar com carinho dos nossos pensamentos, as vezes, precisamos de ajuda.
Pode ser uma ajuda de um amigo, ou de um esporte, ou família, mas as vezes, nada disso consegue alcançar nossa dor de alma, então, é a hora de procurar ajuda com alguém da área. 
Pode ser um psicólogo, um psiquiatra, um psicanalista, depende do teor dos pensamentos.
As ajudas são bem vindas.
O difícil é descobrir qual o momento quando realmente precisamos desta ajuda...

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Ano Novo

Ando sumida daqui.
Apenas vivendo, um dia de cada vez.
Eu caí, em novembro.
Machuquei mais do que imaginava...
Tive rompimemento de dois ligamentos do pé, mais uma tal lesão ósseo condral... e estou esperando para passar num especialista em pés.
Enquanto isso, parei com todos os esportes.
E basicamente, fiquei triste.
Sim, estou triste.
Triste por perceber que não temos controle sobre nada na vida, porque as coisas acontecem de repente, e quando percebemos, uma mudança gigante já aconteceu.
E também, dispensei minha ajudante do consultório, que está comigo há quase 5 anos.
As vezes, acho importante darmos um passo para trás para voltarmos a andar para frente.
Na verdade, não tenho planos mirabolantes para este ano.

Quero sarar, poder voltar a correr, quero voltar a ter cuidados e controle do meu trabalho.
E permanecer atenta à vida.
Conectada com o Chefão, conectada comigo mesma.
Porque nesta história de sofrer este acidente, sumiram todos os "amigos", e restou apenas a família mesmo.
Sim, sumiram todos, apenas ficaram os que são de verdade, ou seja, um ou dois...
O resto, never more.
Nenhuma ligação, nenhum recadinho no face ou no whatsapp....
E é bom para tomarmos conhecimento da brevidade da vida, da superficialidade das relações.
Esta é a vida.
E vamos vivendo.
Um dia de cada vez.
Feliz 2016.